terça-feira, 22 de julho de 2014

Podcast - Vamos Falar de Guitarra

Boa noite pessoal,

Este é um post atípico, não venho falar sobre guitarras, equipamentos, nem tecnicas nem nada disso, vamos deixar isso pra outra hora. Meu intuito hoje é apenas anunciar um novo projeto.

Há algúm tempo venho sentindo uma tristeza por ver o rock n' roll cada vez mais longe da mídia. Qual o
resultado prático disso? Talvez isso tenha a ver com a pequena quantidade de excelentes bandas que temos
hoje, se comparamos com outras épocas. Pensando nisso, e conversando com meu amigo Tiago Faria, sobre Podcasts tivemos a idéia de fazer o nosso Podcast.

O intuito não é falar sobre os mesmos temas que falo no blog, lá não são abordados equipamentos, técnicas e etc... O intuito lá e falar sobre rock, bandas, músicas e historias ligadas a isto. Até sobre mercado musical
vamos falar, e quem sabe, você não consegue pegar alguma dica legal para sua banda ali? Quem sabe também você não consegue participar do Podcast um dia e falar dos seus projetos, divulgar seu som e etc... ?

O que queremos é justamente isso, fazer a roda do Rock n' Roll continuar girando mais forte do que nunca, e pra isso gravamos um piloto que eu, orgulhosamente tenho o prazer de compartilhar.

Sabemos que ele não possui ainda o nível de qualidade necessário pra figurar entre os mais bem feitos
podcasts, afinal é apenas um piloto, com problemas tecnicos que devemos ir resolvendo nas próximas
edições.

Porém o que falta ainda em técnica, sobra em alma e vontade de criar algo interessante, útil e novo.



powered by podcast garden
Link Para ouvir o Podcast
http://www.podcastgarden.com/podcast/vamosfalardeguitarra

Link Para assinar o Feed do Podcast
http://www.podcastgarden.com/podcast/podcast-rss.php?id=4138

Filipe Zanella

domingo, 13 de julho de 2014

Gravando guitarras em Linha com Jimmy Page


Muito se fala sobre gravação de guitarras em linha quando o assunto é simulação, e eu resolvi escrever este texto porque esta não é a única forma de se fazer isto.

Bom, já deu pra perceber que estou levando o blog, nesse momento, pra um caminho dentro do mundo da gravação de guitarras.

 Isso ocorre porque estou montando meu home studio agora, e estes assuntos estão sendo parte direta do meu dia a dia. E se você tem vontade de gravar eu pergunto: por que não começar um home studio agora?

Mas voltando à parte prática da coisa, sempre vejo por aí muitas discussões quando o assunto é:

1 - Analógico X Digital - O que é melhor? Quando usar um ou outro?
2 - Simuladores, usar ou não??

Eu não quero entar ainda nessas discussões, mas existem outras formas de fazer uma boa gravação em linha sem entrar nesse território.

 Afinal exitem gravações que foram feitas sem amp, plugadas direto e SEM TENTAR SIMULAR UM AMP. Quer um exemplo? Black Dog do Led Zep. Ouve aí.






Pois é, se você concorda que aí tem um timbrão saiba que o Jimmy Page plugou a guitarra direto na mesa de som e mandou ver, o drive vem do circuito da própria mesa que NÃO ERA VALVULADA. Ele usou uma mesa clássica, uma NEVE.


Veja o que ele disse em uma entrevista sobre como gravou as guitarras:

Nos plugamos minha Les Paul em um direct box indo para um canal da mesa. Nós usamos o pré de microfone da mesa de som para obter distorção. Então nos mandamos isso para 2 compressores Urei 1176 Universal compressors ligados em série. Então cada linha foi triplicada. Curiosamente, eu estava ouvindo aquela trilha quando nós estávamos revendo as fitas e as guitarras soam quase como um sintetizador analógico.

Destaco este ponto pois existem muitos mitos no mundo do áudio, e às vezes as pessoas  esquecem de quebrar as regras.

Então seguindo a receita do Page você precisa da Guitarra + Pre Amp + Compressores + Gravador. O PRE que ele usou foi o da mesa, e você consegue brincar usando uma mesa barata qualquer. Só lembrando que o som da guitarra plugada direto é bem diferente do som dela passando por um ampli.


 Nunca se esqueça de aceitar e respeitar o som que seu equipamento dá, e tentar tirar o melhor dele: aí você estará no caminho certo. Se você estiver tentando igualar o som de outra pessoa, ficará frustrado. Nem mesmo o Page tira o som exatamente igual àquele; chegará perto, mas não será mais idêntico.



Compressor 1176 da Universal Audio: Page usou 2 desses pra Black Dog.


Dito isto, vamos continuar a sequência da gravação:

Guitarra >>>>>> Mesa de som >>>>>>> Compressor >>>>> Interface >>>>> PC

O pré amp vai te que ser forçado: quando você aumentar o ganho vai começar a ter distorção.

- Ah mas minha mesa de som é muito ruim, uma mesa barata etc... 

Não tem problema nenhum, muitas vezes dos equipamentos mais baratos você tira os melhores sons. O importante é experimentar!

Pra fechar, vou deixar este vídeo do Nirvana que usa guitarras gravadas dessa forma em algumas partes.





Bom e se você curte saber sobre gravação de guitarras talvez se interesse por este post aqui: 
Guns n' Roses - O som do Apettie for Destruction